12 curiosidades com fotos raras sobre o maior escritor da história do Rio Grande do Norte

Vale muito a pena saber mais sobre Câmara Cascudo, o maior pesquisador das manifestações culturais brasileiras que já existiu.

Nascido em 1898, Cascudo era diferente dos garotos de sua idade

post-curiosidades-camara-cascudo-crianca

Câmara Cascudo quando criança em sua casa

Ele passava a vida sentado: via figuras, lia livros, ouvia histórias e contemplava paisagens. Esse hábito acabou lhe despertando para o que veio a ser a matéria-prima de seu trabalho, o povo brasileiro.

Ele era o morador mais ilustre de Natal e não precisava de número ou CEP para receber cartas

post-curiosidades-camara-cascudo-neta-daliana-neto-newton

Cascudo com sua neta Daliana e seu neto Newton

Mário de Andrade, Monteiro Lobato, Assis Chateaubriand, Getúlio Vargas e Juscelino Kubitschek, dentre outros,  foram personalidades que enviavam cartas endereçadas à Câmara Cascudo. Elas continham no destinatário apenas: “Luis da Câmara Cascudo, Natal”.

Seu plano era audacioso para a época

post-curiosidades-camara-cascudo-frei-damiao

Câmara Cascudo e Frei Damião

Sua meta maior de vida era conhecer a fundo tudo o que não estava registrado nos livros e não era ensinado nas escolas.

Ele foi o principal responsável por tornar conhecidas as figuras do folclore brasileiro que você conhece até hoje

post-curiosidades-camara-cascudo-manifestacao-cultural-casa

Cascudo assistindo à uma manifestação cultural em casa

Como: saci-pererê, curupira, mula-sem-cabeça e outros personagens.

Em toda sua vida, quase não saiu de sua cidade (Natal)

post-curiosidades-camara-cascudo-rede

Segundo ele “ali encontrara o alimento para sua alma”.

Luis se interessava por tudo, menos matemática

post-curiosidades-camara-cascudo-biblioteca-casa

O escritor em sua biblioteca pessoal dentro de casa

Esta ele considerava sua “inimiga”.

Ele aprendeu a ler em 7 idiomas por interesse próprio

post-curiosidades-camara-cascudo-colacao-de-grau-direito-recife-1928

Foto da sua colação de grau em Direito na cidade de Recife, PE

Inglês, francês, alemão, italiano, espanhol, grego e latim.

Ele tinha a marca incrível de 14 títulos diferentes

post-curiosidades-camara-cascudo-feira-culinaria-brasileira

Foto de uma exposição onde aparece Câmara Cascudo visitando e experimentando a culinária Brasileira

Folclorista, historiador, crítico literário, biógrafo, romancista, jornalista, antropólogo, poeta, musicólogo, orador, etnógrafo, professor, humanista e poliglota.

Câmara Cascudo era boêmio, um grande bebedor e fumador de muitos charutos

post-curiosidades-camara-cascudo-social-2

E assíduo freqüentador das noites do bairro da Ribeira em Natal.

Ele escrevia um livro depois do outro sem descansar, acumulando a marca incrível de 150 livros de sua autoria

post-curiosidades-camara-cascudo-datilograf-biblioteca

Câmara Cascudo datilografando em sua biblioteca de casa

No auge de suas atividades, Cascudo estudava muito, sem nunca se afastar do corpo-a-corpo com os habitantes de Natal, seja nos bares, nas feiras,ou nas universidades. Mesmo estudando tanto ele também conseguia escrever bastante. O segredo era passar noites em claro, recolhido em sua biblioteca até o amanhecer.

Cascudo andava sempre com um caderninho de notas para facilitar seu trabalho

post-curiosidades-camara-cascudo-biblioteca

E foi assim, de anotação em anotação, que em 1954 este caderninho se transformou no mais legítimo registro da cultura popular brasileira: “O Dicionário do Folclore”, obra de referência no mundo inteiro.

O folclorista e escritor trabalhou até seus últimos anos e foi agraciado com dezenas de honrarias e prêmios

post-curiosidades-camara-cascudo-neta-daliana-carta

Daliana, neta de Cascudo, segurando uma carta original do seu pai

Ele morreu aos 87 anos.

Gostou deste artigo? Veja mais curiosidades históricas bem interessantes aqui:

10 curiosidades ultra interessantes sobre o dia-a-dia de Natal-RN durante a 2ª Guerra Mundial

9 super curiosidades de Natal-RN que poucos sabem

Mostramos 5 fotos de Natal-RN para gringos e eles estranharam tudo

Fonte: UOL Educação , Histórias & Descobrimentos , Ciência Hoje e Magia das Letras

Anúncios