9 comidas do Rio Grande do Norte que dão um nó na cabeça dos outros brasileiros

Pra começar…

“Torrada” no RN é ‘misto-quente’

Isso mesmo, o tradicional misto-quente feito com pão, manteiga, queijo mussarela e presunto é chamado de torrada. Já a torrada que é conhecida em outros estados é chamada no RN de “torradinha” (foto abaixo):

_

O cuscuz NÃO é esse “bolo” salgado altamente recheado

Pelo centro e sul do país o cuscuz é um bolo à base de milho com muito recheio (foto acima).

Já no RN o cuscuz até pode ter formato de um bolo, porém é construído apenas com o puro floco de milho cozido, e você quem escolhe o acompanhamento por fora, geralmente ele é acompanhado de ovos fritos, o famoso “cuscuz com ovo”. Com café preto fica uma delícia no café da manhã:

_

Picolé não é sorvete

Em muitos lugares picolé é conhecido como sorvete, mas no RN o picolé é apenas picolé. A expressão “sorvete” no RN é atribuída apenas ao “sorvete de massa”, como se conhece em outros lugares do Brasil, ou seja, isso:

_

Bolacha é um tipo de biscoito simples, e biscoito é todo o resto

Bolacha no Rio Grande do Norte, pelo menos na capital Natal, geralmente é um tipo de biscoito muito simplificado, que só leva água, sal e massa (alguns levam manteiga) na composição, igual a essas da foto acima.

Mas devido ao dilema do século “BISCOITO x BOLACHA”, vamos tentar, veja bem: tentar, dar uma detalhada nisso:

Biscoito doce recheado = biscoito
Biscoito wafer = biscoito
Bolacha Maria (parecida com Maizena só que redonda) = bolacha
Bolacha de água e sal (famoso Cream Cracker) = bolacha
Bolachinha salgada (podendo ser amanteigada) = bolacha
O tipo ‘Club Social’ = não há definição oficial para ele, mas tá mais pra biscoito porque alguns são recheados e com sabores.

Maaas pelo interior do RN também costumam chamar biscoitos recheados de BOLACHA. Ou seja, essa questão para o potiguar é confusa, não há com consenso.

Mungunzá é uma coisa, canjica é outra, e curau, o que é isso?

Calma, vamos explicar:

No Sul e Sudeste a canjica é esse mingau branco com milho:

Já no RN (e em várias partes do Nordeste), canjica é o mingau de milho amarelo e meio com consistência de pudim. Já em outros cantos do país se reconhece isso por Curau. Sendo ela assim:

Já o Mungunzá é a canjica lá de fora, mas pode ser doce ou salgado

O mungunzá no RN é o mingau mais líquido de cor branca feito com milho branco debulhado e cozido no leite de coco ou de vaca (como na foto), que é justamente a canjica pra outros lugares do brasilzão:

Em algumas cidades do RN ele é feito ainda na forma salgada, com milho debulhado, linguiça de frango (ou de boi), frango desfiado, e outros temperos, ficando assim:

_

A pizza no RN tem catchup em cima sim, e maionese também!

O potiguar coloca catchup na pizza, e muito! Não fosse o bastante, ele ainda coloca MAIONESE. Sim! E aquela camada de “molho rosê” fica uma delícia.

_

E este é o pão de queijo tradicional do RN:

O pão de queijo mineiro existe também, mas o pão de queijo no RN é um pãozinho com massa tradicional salpicado com queijo parmesão ralado, praticamente em pó, por cima. Servem muito em aniversários de criança.

Ah, e ele geralmente é comido puro e seco, mas pode ser recheado com patê, requeijão ou creme de queijo.

E Paçoca no Rio Grande do Norte é isso aqui…

Que nada mais é do que Carne de Sol (“carne seca” pra você que mora no Centro/Sudeste/Sul), triturada com farinha de mandioca e temperada com coentro, cebola e afins.

Esse prato é muito comum no cardápio da maioria dos restaurantes de Natal e do interior.

Se você quiser se referir à paçoca doce (aquele doce brasileiro à base de amendoim, farinha de mandioca e açúcar, comida típica caipira dos estados de Pernambuco, Minas Gerais e São Paulo), ela existe também, mas se chama “Paçoquinha”:

E se gostou não deixe de ver:

7 comidas mais deliciosas das praias de Natal-RN (lista definitiva)

14 expressões faladas no Rio Grande do Norte que confundem o resto do Brasil

Anúncios