A NASA fotografou e explicou duas inundações no RN ocorridas em 2008

Entre Março e Abril de 2008 fortes chuvas caíram no Rio Grande do Norte durante cerca de uma semana, deixando mais de 10 mil pessoas desabrigadas ou desalojadas em várias cidades.

O site Earth Observatory da NASA fez uma publicação ilustrada por duas fotos bem interessantes tiradas do espaço, que mostram os rios Piranhas e Apodi em suas capacidades normais, e posteriormente durante a enchente.

Veja como é curiosa a diferença dos rios em cada foto:

Foto de Março de 2008

Foto de Abril do mesmo ano

O site da NASA dizia o seguinte:

“Os rios Piranhas e Apodi, pouco visíveis em imagens de satélite de meados de março de 2008, fluem azul escuro sobre a paisagem verde-clara do Nordeste do Brasil no início de abril de 2008.

Os dois rios estavam entre muitos que transbordaram nessa região normalmente seca, na esquina do Brasil na esteira das chuvas intensas em Março e Abril.

Seis estados, incluindo o Rio Grande do Norte, aqui expostos, inundaram. A partir de 7 de abril, as inundações e deslizamentos de terra mataram 21 pessoas e forçaram 82 mil de suas casas, informou a Associated Press.

Embora as nuvens ocultassem grande parte da inundação no estado em 6 de abril de 2008, os rios Piranhas e o Apodi estavam claramente muito mais largos do que tinham sido em 17 de março, antes que as chuvas começassem.

Essas imagens foram capturadas pelos sensores de espectros de radar de resolução moderada (MODIS) nos satélites Terra (6 de abril) e Aqua (17 de março) da NASA.

Sinais adicionais de inundação podem ser visto no Oceano Atlântico. Neste tipo de imagem de satélite, que é feita com infravermelho e luz visível, a água é geralmente preto. O sedimento colore a água azul. Embora a luz solar refletida obscureça a cor do oceano na imagem de cima, o tom subjacente é azul, sugerindo o escoamento de inundação fluindo para o oceano.

A precipitação também é evidente nas plantas que cobrem a terra. A paisagem passou de verde e bronzeado, a cor de terra nua ou terra de vegetação escassa, a verde como plantas responderam à chuva. As nuvens neste tipo de imagem são turquesa e branco.”

Imagina só a diferença ao vivo e à cores disso. Se curtiu veja: 10 fotos espetaculares do Rio Grande do Norte tiradas por uma super fotógrafa

Fonte: Earth Observatory (NASA)

Anúncios