Pra você que até já teve a curiosidade mas nunca procurou saber mais a respeito.

A primeira igreja do Rio Grande do Norte foi construída em 1599

Matriz de Nossa Senhora da Apresentação, na Praça André de Albuquerque, centro de Natal no início do século XX. Foto: TOK de História.

Foi criada por um Alvará Real, em 1601, do rei de Espanha e Portugal Dom Felipe III.

Ela era uma simples capela sem portas, que hoje é compreendido no espaço que ocupa o altar central da igreja, onde o visitante pode encontrar o alicerce original.

Ela se chama Igreja de Nossa Senhora da Apresentação (nome da padroeira da cidade), ou Catedral de Natal

Recorte de jornal de 1954 convidando para sua tradicional festa anual (Acervo: Emerson Silva)

Ela fica localizada na atual Praça André de Albuquerque, no bairro da Cidade Alta. Hoje, devido à construção da Catedral Metropolitana de Natal na Av. Floriano Peixoto (Tirol), ela passou a se chamar Catedral Antiga ou ainda Catedral Velha.

A primeira missa da cidade foi celebrada nela em 25 de Dezembro de 1599

Missa atual em homenagem à Virgem Maria na igreja. Foto: Cavalaria de Maria

E foi rezada em homenagem à fundação da cidade pelo padre jesuíta Gaspar de Sampére (ou Gonçalves de Sampére), que era arquiteto militar e projetou também o famoso Forte dos Reis Magos.

Na época, como Natal não tinha cemitério, os fiéis eram sepultados dentro dela

Tumba de André de Albuquerque Maranhão dentro Matriz (Foto: nataldasantigas.wordpress.com)

E também nos arredores do cruzeiro.

Ela sofreu várias alterações ao longo da história

Desenhos do projeto antes da restauração  de 1994/1995 (Acervo: Emerson Silva)

Em 1862 a torre foi construída, em 1871 ganhou piso novo, em 1874 veio um sino pequeno que às 21h dava o toque de recolher na cidade.

Mas no ano de 1909, já concluída em seu projeto original, recebeu altares laterais e vários adornos arquitetônicos de estilo neo-gótico, descaracterizando sua feição colonial original.

Em 1994, durante uma restauração, foi descoberto um corpo

Igreja de Nossa Senhora da Apresentação em 1994 (Acervo: Emerson Silva)

O de André de Albuquerque Maranhão, coronel que foi Capitão da capitania do Rio Grande (onde hoje é o RN) entre 1775 e 1817, que foi jogado pela janela do palácio e deixado morrer durante a Revolução de 1817 – ainda com suas mãos presas a grilhões. Além de outras descobertas arqueológicas preciosas.

Toda a restauração removeu elementos do gosto eclético impostos no início do século 20

Desenhos do projeto após restauração de 1994/1995 (Acervo: Emerson Silva)

E então a igreja foi devolvida à comunidade natalense em 15 de Agosto de 1995.

Hoje ela está assim

Foto: Brechando.com

Gostou? Veja 8 igrejas de Natal-RN que você não sabia como ficavam lindas à noite

Enviada pelo leitor Emerson Silva

Anúncios

Escrito por Henrique Araujo

O criador do Curiozzzo é Bacharel em Sistemas de Informação, viciado em internet desde muito cedo, e encontrou na criação de conteúdo uma nova paixão. Criou o blog em 2014 para levar o Rio Grande do Norte (onde vive desde criança) para o mundo de uma forma criativa e diferenciada. Siga-o: instagram.com/henrique.e.araujo

3 comentários

  1. Muito bom as noticias e fotos que o CURIOZZZO aborda retrantanto assim nas lembranças do Natalense como era e como funcionava, como foi criada o nosso rio grande do norte. Muito bom mesmo, as coisas e assuntos que, repito, curiozzzo mostra.
    Valeu Parabéns.

Diga o que achou:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s