O dia em que alguns moradores de Mossoró avistaram “gelo milagroso” em árvore da cidade

A manhã de Sexta-feira do dia 05 de Maio de 2010 foi bem agitada no bairro de Boa Vista, em Mossoró (Rio Grande do Norte).

Uma árvore Algaroba estava “produzindo gelo” em seus galhos, isso numa cidade de temperaturas que beiram os 40 graus diariamente. Como isso era possível?

Vários moradores se reuniram chocados para vislumbrar e, se possível, se beneficiar do fenômeno na praça Raimundo Rubira (a praça da delegacia).

Não demorou muito pra se espalhar a ideia de que os pingos que caíam dos galhos “gelados” da planta era um “sinal divino” e que curavam doenças, o que só aumentou a agitação e o número de presentes.

Teve até reportagem no programa “Fala Brasil” da TV Record:

Mas não era gelo. Segundo o professor Eudes de Almeida, do Departamento de Ciências Vegetais da Universidade Federal Rural do Semiárido (UFERSA), a substância não passava de gosma acumulada da excreção de alguns tipos de insetos.

O fenômeno também ocorreu anos mais tarde, 2013, em Brasília, quando católicos recolheram o líquido do galho para beber e curar doenças dizendo supostamente ser congelado pela Virgem Maria.

Me lembrou até aquele dia o dia de “pavor” em que a cidade de Angicos (RN) confundiu um drone com um disco voador

Dica enviada pelo leitor @weslleymisael. Fonte: Revista Sociedade Militar e Rede Record (vídeo).

🔥171 Visualizações

Henrique Araujo

O criador do Curiozzzo é Bacharel em Sistemas de Informação, viciado em internet desde muito cedo, e encontrou na criação de conteúdo uma nova paixão. Criou o blog em 2014 para levar o Rio Grande do Norte (onde vive desde criança) para o mundo de uma forma criativa e diferenciada. Siga-o: instagram.com/henrique.e.araujo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *