6 lugares do Rio Grande do Norte que se regenerariam com a ausência de pessoas

Com a pandemia de Coronavírus de 2020, onde as pessoas tiveram que se isolar em casa, as ruas e a natureza tiveram pouco ou nenhum contato humano. A longo prazo, caso o ser humano evite voluntariamente ou por necessidade, como foi o caso, o contato com vários lugares do Rio Grande do Norte, estes podem ganhar muito com isso.

Isso porque quando a natureza está sozinha ela se desenvolve de forma natural, sem empecilhos, e não há degradação proposital ou inconsciente por parte do ser humano, ficando ainda mais linda e exuberante – ou pelo menos não deteriorada.

É o caso do Morro do Careca (Ponta Negra, Natal), pra começar

As pessoas que o sobem, contrariando a lei de preservação ambiental desde 1997 que não permite circulação de pessoas para evitar erosão da duna e deterioração da vegetação, estão em casa, portanto o morro não está perdendo a areia que o forma.

E falando em morro, as Dunas de Genipabu também

As famosas Dunas de Genipabu não vão receber os velhos visitantes da raça humana e suas areias ficarão intocadas. Os camelos também terão folga dos passeios.

E os mares do RN, claro!

Praia da Pipa, RN

Com raros banhos de mar do ser humano, todo o mar que banha o litoral do estado do RN pode se renovar sem receber lixo de vários tipos, fezes, urina e outras coisas; e os peixes também agradecem.

Aliás, falando em mar, as piscinas naturais de Maracajaú

Piscinas naturais de Maracajaú

Que não terão a frequente incidência humana do tradicionais passeios pelas piscinas naturais da praia.

As ruas e os monumentos, principalmente de Natal, Parnamirim e Mossoró

Com poucas pessoas nas ruas jogando lixo, deteriorando ou pichando muros e monumentos, a cidades preservam suas construções e vias.

E principalmente o ar dessas cidades

O ar das maiores cidades do estado terão suas quantidades de gases tóxicos expelidos pelos automóveis, como Monóxido de carbono, diminuídas drasticamente. A natureza vai respirar melhor.

A ideia desse post foi despertar a consciência de preservação da natureza e dos locais públicos. Respeitem e preservem a natureza ao máximo!

 

🔥356 Visualizações

Henrique Araujo

O criador do Curiozzzo é Bacharel em Sistemas de Informação, viciado em internet desde muito cedo, e encontrou na criação de conteúdo uma nova paixão. Criou o blog em 2014 para levar o Rio Grande do Norte (onde vive desde criança) para o mundo de uma forma criativa e diferenciada. Siga-o: instagram.com/henrique.e.araujo

1 Comentário

  • Ótimas novidades. Até que merecíamos. Faz tempo que quero dar um rolê por essas praias. A natureza está contribuindo. Bom saber. Num momento que estou num trabalho “trabalhoso” vale a redundância sobre Responsabilidades sociais e ambientais das organizações de turismo e revi tudo sobre desenvolvimento sustentável. Quem sabe se os atores sentam para repensar suas instituições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *