Qual a origem da praia de Ponta Negra em Natal-RN?

A praia de Ponta Negra é famosa mundialmente, principalmente por ajuda do seu emblemático Morro do Careca, uma duna enorme que recebeu esse nome por um conceito antigo: o da aparência semelhante a uma pessoa careca, ou melhor, pelo menos calva.

Mas como surgiu a praia e seu nome? Uma das primeiras referências históricas a praia de Ponta Negra é a descrição do período da ocupação holandesa, em 1633. Registros de 1877 falam que existia uma casa de oração na povoação da “Ponta Negra”, que era uma escola pública exclusiva para o sexo masculino.

Praia de Ponta Negra (Natal-RN) nos anos 1920. Foto: Luis Grevy. Acervo: Jaeci Emerenciano.

Estima-se que, até o século passado, a Vila de Ponta Negra, centro do bairro, era habitada quase que somente por indivíduos ligados à atividade pesqueira, entre pescadores, ajudantes, suas companheiras e etc. Mas lá também haviam roçados para ajudar na economia doméstica, além do trabalho de renda de almofadas feitas por mulheres artesãs.

Após a Segunda Guerra Mundial, com a forte influência norte-americana na cidade de Natal de apreciar a praia, tomar banhos de mar, e etc, foram iniciadas construções de casas de veraneio. O desenvolvimento da Vila, núcleo do povoamento da área, teve início na década de 40. Nesse período, o Governador José Varela construiu o primeiro chafariz, localizado atrás da igreja e reconstruído, em 1931, pelo Bispo Dom Marcolino Dantas. Mais tarde, outro chafariz foi construído na Rua do Corrupio e aí foi implantada a energia elétrica.

Praia de Ponta Negra (Natal-RN) antigamente. Foto: Jaeci Emerenciano.

Só por volta da década de 90 foi que o turismo começou a se desenvolver no bairro, e alguns anos depois chegaram investimentos estrangeiros, principalmente italianos, portugueses e outros europeus.

Existem duas teorias para a origem do nome “Ponta Negra”. A primeira conta que, na época das grandes navegações, os Portugueses avistaram aquela região da costa com a característica de possuir pontas de pedras negras surgindo da água, por isso, o nome da região virou “ponta” Negra.

A segunda possibilidade diz que em meados do século XIX houve uma eventual proibição da importação de escravos africanos ao Brasil, pela qual surgiram pontos clandestinos de desembarque, e um deles seria naquele ponto do litoral, ficando o nome Ponta “Negra”. E você em qual teoria acredita mais?

E se você gostou não deixe de ver este lindo post com 5 comparações de fotos antigas e recentes de Ponta Negra [pelo mesmo ângulo]

Com informações de Praiamar Hotéis

🔥26 Visualizações

Henrique Araujo

O criador do Curiozzzo é formado em Sistemas de Informação, já foi dono de startups, administrador de grupos, empresário, mas sempre foi um amante da internet, primeiro como desenvolvedor e depois como produtor de conteúdo, desde a chegada dela no Brasil. Em 2014 criou o blog e encontrou na história e na cultura de onde mora uma nova paixão. Hoje ele leva o Rio Grande do Norte para o mundo de forma respeitosa, criativa, curiosa e única. Siga-o: instagram.com/henrique.e.araujo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *