Potiguar representará o RN em competição mundial de queijos na França

Pela primeira vez na história o queijo artesanal do RN será valorizado, exposto e avaliado em uma competição internacional.

Quem vai levá-lo para fora dos limites tupiniquins é o potiguar Lucenildo Firmino, de 40 anos. Ele se garantiu na produção de queijos, e vai representar o estado na 4ª edição do “Mondial Du Fromage – Et Des Produits Laitiers”, uma competição mundial de queijos que reúne representantes de 38 países e acontece na cidade de Tours, na França, entre os dias 2 a 4 de junho.

Lucenildo, mais conhecido como “Galego da Queijeira”, é natural da cidade Jucurutu, mas em 2011 mudou-se para Tenente Laurentino Cruz, e representará a queijeira Serra de Santana, da qual é dono: “É muito emocionante. Isso é fruto de um trabalho plantado lá atrás que está sendo colhido agora. Estou levando o nome do Seridó, de toda a cadeia produtiva de queijo da região. Só de participar, já estou muito feliz”, contou ele ao site Mossoró Hoje.

Os produtos fabricados pela queijeira Serra de Santana. Foto cedida pela queijeira.
Potiguar Lucenildo, que levará pela primeira vez o queijo potiguar para uma competição internacional. Foto: João Vidal para o Governo do RN

A queijeira pertencia ao seu irmão, mas em 2016 ele a comprou e investiu em cursos, equipamentos e melhorou a produção. O empresário já acumula mais nove premiações nacionais e regionais, será que o cara é bom? Atualmente, ele, a esposa e mais outros dois funcionários produzem queijos de manteiga, de garrafa e de coalho, que é o que competirá na França. Juntos eles produzem em média 160 quilos de queijo por dia.

O projeto de valorização do queijo artesanal do Seridó, que vai levar Lucenildo à França, integra o programa Governo Cidadão, do Governo do Estado, que é financiado com recursos do empréstimo ao Banco Mundial.

E você, gosta de queijo? Se gostou não deixe de espalhar a notícia!

Com informações de Mossoró Hoje

🔥111 Visualizações

Henrique Araujo

O criador do Curiozzzo é formado em Sistemas de Informação, já foi dono de startups, administrador de grupos, empresário, mas sempre foi um amante da internet, primeiro como desenvolvedor e depois como produtor de conteúdo, desde a chegada dela no Brasil. Em 2014 criou o blog e encontrou na história e na cultura de onde mora uma nova paixão. Hoje ele leva o Rio Grande do Norte para o mundo de forma respeitosa, criativa, curiosa e única. Siga-o: instagram.com/henrique.e.araujo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *