Arquivo da tag: História

agosto 13

Conheça a primeira mulher Potiguar a pilotar um avião

Ela fez 800 horas de vôo enfrentando o machismo e o preconceito!

fevereiro 08

O dia de pânico em que os habitantes do RN pensaram que o mundo estava se acabando

Teve gente entrando no mar, rivais fazendo as pazes e muito alvoroço!

novembro 27

Um relato impressionante de como era Natal (RN) em 1872

Em 1872 Natal não tinha água encanada, nem carros e nem luz. Também não havia muito o que fazer, e a comunicação à distância era uma coisa extremamente complexa.
É o que relata um escritor natalense em 1938.

novembro 25

19 curiosidades interessantes sobre Mossoró (RN)

Já era hora de falar sobre Mossoró, a segunda maior cidade do Rio Grande do Norte, também conhecida como a “capital do oeste potiguar”, “terra do sol”, e “terra do petróleo e sal”. É tanta história e cultura que fica difícil até de começar, mas a gente tenta!

setembro 19

Afinal o autor de “O Pequeno Príncipe” veio mesmo à Natal?

Na história do Rio Grande do Norte há vários relatos da passagem do grande escritor Antoine de Saint-Exupéry por Natal no fim da década de 20.

O autor de “O Pequeno Príncipe”, o 3º livro mais traduzido no mundo, teria se inspirado em um baobá de Natal, entre outras relações com o Estado.

Quem trata deste mistério é um francês entusiasta de aviação que foi morar em Natal.

julho 06

Este pedreiro achou uma “tigela canibal” de mais de 500 anos no RN

Marcelo Sena de Oliveira, de 29 anos é pedreiro no município de Lagoa D’anta, há 125 quilômetros de Natal. Ele retirava areia de um terreno para a construção de sua casa, quando notou algo mais firme enterrado na areia. Sem saber do que se tratava, Marcelo bateu com sua pá para tentar encontrar o objeto, até ver algo com o aspecto de uma tigela.

“Ela estava inteira, mas quando fui tirar ela se despedaçou. Deixei os pedaços lá porque porque eram muito miúdos”, contou Marcelo ao jornal Tribuna do Norte. Pela decoração do utensílio ele desconfiou que o artefato fosse indígena. “Mas como a gente mora no interior não conhecia ninguém que pudesse dizer que era mesmo. Aí, quando soube que a minha professora dava aula de educação indígena, dei para ela”, acrescentou.

Marcelo é formado em pedagogia, e sua professora de pós-graduação é a antropóloga Taís Cruz, que, ao receber apenas parte do objeto de presente do aluno, e comparar com as descrições de um livro do arqueólogo brasileiro, André Prous, logo teve a certeza de que aquele era um material produzido há mais de 500 anos.

março 05

O Rio Grande do Norte possui um lugar cheio de pinturas rupestres respeitado mundialmente

Um mini cânion com cavernas e fendas que desvendou várias surpresas arqueológicas.

fevereiro 11

Essa página do Facebook faz piada com o dia-a-dia natalense

Você acha que já viu de tudo em termos de criatividade na internet? Tá enganado(a)!

fevereiro 10

8 curiosidades sobre a chegada do surf à Natal (RN)

O preço médio de uma prancha era equivalente ao aluguel de uma casa de luxo na cidade!

dezembro 22

Você sabia que um ex-presidente do Brasil já foi goleiro do Alecrim?

Você sabia que o Alecrim Futebol Clube de Natal já teve um goleiro ilustre entre 1918 e 1919? Pois teve. Simplesmente um ex presidente da República!

Ele nasceu em Natal, em 3 de fevereiro de 1899, no bairro da Ribeira, e dividia seu tempo estudando no colégio Atheneu e batendo bola com seus amigos no então longínquo bairro humilde do Alecrim.

Veja esta história surpreendente!

maio 16

Foi um natalense o primeiro civil a morrer pilotando um avião no Brasil

Era 23 de Maio de 1930, manhã de uma Sexta feira. Desde bem cedo alunos do curso de pilotagem da “Escola de Voo Aeroclube do Rio Grande do Norte” circulavam pelo campo de pouso.

A escola havia sido fundada há dois anos atrás e possuía uma boa infraestrutura de ensino aeronáutico, com sede, hangar e duas aeronaves.

No exercício daquele dia cada aluno deveria decolar, dar duas voltas no campo do clube e depois aterrissar.

O aluno Edgar Dantas fez uma decolagem tranquila, dando suas duas voltas sem problemas, porém, quando já se preparava para pousar realizou uma manobra a apenas 20 metros do solo, e o resultado foi desastroso.